Arquivo da categoria: Estadão

“USP vai adotar teto salarial previsto na Constituição”

Publicado em: O Estado de SP (03/10/14)
por Redação

“No momento em que a Universidade de São Paulo (USP) pede, em conjunto com Unicamp e Unesp, ampliação do teto salarial, a instituição anunciou a seus dirigentes que vai passar a respeitar o limite de salário definido pela Constituição.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,usp-vai-adotar-teto-salarial-previsto-na-constituicao,1570320

Anúncios
Etiquetado ,

“Sindicato quer anular decisão que desvinculou hospital da USP”

Publicado em: O Estado de SP (03/10/14)
por Paulo Saldaña e Victor Vieira

“A Associação dos Docentes da Universidade de São Paulo (Adusp) encaminhou ofício à reitoria solicitando a anulação da decisão que desvinculou da USP o Hospital de Reabilitação de Anomalias Cranofaciais (HRAC) de Bauru. O sindicato defende que a votação no Conselho Universitário (C.O.) sobre o assunto não atendeu o quórum estabelecido no Estatuto da USP.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,sindicato-quer-anular-decisao-que-desvinculou-hospital-da-usp,1569933

Etiquetado , , ,

“Crise põe autonomia da USP em xeque”

Publicado em: O Estado de SP (03/10/14)
por Victor Vieira

“A atual crise da Universidade de São Paulo (USP) pode colocar em xeque a autonomia administrativa e financeira da instituição, conquistada há 25 anos. Esse é o alerta de especialistas, que consideram mais importante renovar as estratégias de gestão do que pedir verbas extras ao governo do Estado. Outro desafio nos próximos anos será atender às demandas sociais sem ceder a pressões políticas.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,crise-poe-autonomia-da-usp-em-xeque,1569930

Etiquetado , ,

“Queda do ICMS vai tirar R$ 220 milhões de USP, Unesp e Unicamp”

Publicado em: O Estado de SP (01/10/14)
por Breno Ribeiro, Fabio Leite e Victor Vieira

“Os dados são da proposta de Orçamento enviada nesta terça-feira, 30, pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) à Assembleia Legislativa e obtida com exclusividade pelo Estado. Segundo a Secretaria de Planejamento, a queda nos valores se deve ao fraco desempenho da economia nos últimos meses. As universidades recebem alíquota fixa de 9,57% sobre a arrecadação estadual do ICMS. A cota não foi alterada.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,queda-do-icms-vai-tirar-r-220-milhoes-de-usp-unesp-e-unicamp,1568759

Etiquetado ,

“Trancada pelo trancaço”

Publicado em: O Estado de SP (27/09/14)
por Virgílio Afonso da Silva e Fernando Limongi

“É preciso repensar a vocação da USP. Se todo o debate sobre nosso futuro se limitar a quantas aulas teremos, quantos professores por aluno ou quando vamos repor aulas então podemos esquecer qualquer pretensão de um dia nos tornarmos uma universidade de excelência internacional. Se o foco for a pesquisa e a produção de conhecimento, temos alguma chance. Para isso, contudo, é preciso avaliar se e o que estamos produzindo. Para que tudo isso aconteça, é preciso que deixemos a passividade de lado, porque ela fez com que a repetição de chavões desgastados dominasse a USP.”

Leia em: http://alias.estadao.com.br/noticias/geral,trancada-pelo-trancaco,1566906

Etiquetado , ,

“Superintendente do Hospital Universitário renuncia”

Publicado em: O Estado de SP (25/09/14)
por Redação

“A superintendente do Hospital Universitário (HU), Sandra Josefina Ferraz Ellero Grisi, renunciou nesta quarta-feira, 24, ao cargo. Em comunicado interno, Sandra afirmou que “foi motivada por questões pessoais”, sem entrar em detalhes. Em seu lugar, ficará como interino o diretor da Faculdade de Odontologia, Waldyr Jorge.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,superintendente-do-hospital-universitario-renuncia,1565619

Etiquetado , , ,

“Desvincular Hospital Universitário não acaba com gastos com pessoal”

Publicado em: O Estado de SP (25/09/14)
por Luiz Fernando Toledo

“Mesmo que o Conselho Universitário aprove a transferência do Hospital Universitário (HU) à Secretaria Estadual da Saúde, a maior parte dos gastos seria descontada dos cofres da USP. O pagamento de salários dos servidores ativos e inativos da unidade, que correspondeu a R$ 270,9 milhões em 2013 (85% do custo total), continuaria sob responsabilidade da USP e apenas novas contratações deixariam de ser custeadas.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,desvincular-hospital-universitario-nao-acaba-com-gastos-com-pessoal,1565618

Edição impressa

Etiquetado , ,

“Reitor defende uso de recursos privados”

Publicado em: O Estado de SP (25/09/14)
Entrevista, por Lourival Sant’Anna

“O reitor da Universidade de São Paulo (USP), Marco Antonio Zago, defende a realização de convênios com a iniciativa privada, como fontes alternativas de recursos. Ele reconhece que a proposta enfrenta resistência de setores da universidade, que consideram que sua “isenção” ficaria comprometida. “Eu não concordo com isso.” Em entrevista ao Estado, Zago fez um balanço das perdas e ganhos da greve de 116 dias, no qual comparou a atitude de militantes que arrancavam à força alunos e professores das salas com a opressão exercida pela ditadura.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,reitor-defende-uso-de-recursos-privados,1565620

Edição impressa

Etiquetado

“Deputado quer que MP investigue a compra dos imóveis pela USP”

Publicado em: O Estado de SP (25/09/14)
por Redação

“Representação do deputado estadual Carlos Giannazi (Psol), que deve ser entregue nesta quinta-feira, 25, ao Ministério Público Estadual, vai pedir que seja feita uma análise sobre se houve perda financeira para a Universidade de São Paulo (USP) pela aquisição dos imóveis. “Os imóveis, hoje, estão abandonados, sem utilidade, sem destinação e sem gerar dividendos à Universidade de São Paulo. Ao contrário, apenas geram despesas com sua manutenção”, afirma o texto.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,deputado-quer-que-mp-investigue-a-compra-dos-imoveis-pela-usp,1565609

Etiquetado , ,

“Em meio à crise, USP vai vender imóveis para arrecadar R$ 50 mi”

Publicado em: O Estado de SP (25/09/14)
por Luiz Fernando Toledo e Victor Vieira

“Após quase quatro meses de greve de professores e funcionários, a Universidade de São Paulo (USP) segue em crise. Em mais uma tentativa de aliviar as contas, o reitor Marco Antonio Zago colocará imóveis à venda. A negociação envolve um terreno e salas comerciais, adquiridos na gestão anterior e considerados desnecessários pela atual administração. A estimativa é arrecadar cerca de R$ 50 milhões. O ex-reitor João Grandino Rodas acusa a medida de Zago de ‘desmonte’.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,em-meio-a-crise-usp-vai-vender-imoveis-para-arrecadar-r-50-mi,1565612

Edição impressa

Etiquetado , ,

“Por greve, parte dos cursos da USP terá aulas até fevereiro”

Publicado em: O Estado de SP (22/09/14)
por Victor Vieira

“É o caso dos cursos de Filosofia, Letras e Pedagogia, em que as aulas devem ir até a metade de fevereiro, com recesso entre os últimos dias de dezembro e os primeiros de janeiro. Vários departamentos ainda vão decidir o cronograma de reposição das classes.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,por-greve-parte-dos-cursos-da-usp-tera-aulas-ate-fevereiro,1564361

Etiquetado , ,

“Dois setores da USP não retomam atividades nesta segunda-feira”

Publicado em: O Estado de SP (22/09/14)
por Luiz Fernando Toledo

“Funcionários de dois setores da Universidade de São Paulo (USP) ainda não retomaram o trabalho nesta segunda-feira, 22, após o fim da greve. Funcionários da Prefeitura da USP e da Superintendência de Espaço Físico (SEF) cruzaram os braços em protesto à “falta de diálogo” sobre a reposição de horas determinada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) na última semana. Segundo os trabalhadores, os dois setores somam cerca de 400 pessoas – cerca de 2% dos 17.404 servidores administrativos da instituição.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,dois-setores-da-usp-nao-retomam-atividades-nesta-segunda-feira,1564236

Etiquetado , ,

“Após quase 4 meses de greve, aulas voltam na USP nesta segunda”

Publicado em: O Estado de SP (21/09/14)
por Redação

“Após uma greve de quase quatro meses na Universidade de São Paulo (USP), uma das mais longas da história da instituição, professores e funcionários retomarão as atividades nesta segunda-feira, 22. O funcionamento também volta ao normal nesta segunda na Universidade Estadual Paulista (Unesp).”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,apos-quase-4-meses-de-greve-aulas-voltam-na-usp-nesta-segunda,1563900

Etiquetado

“Professores questionam repasses à USP”

Publicado em: O Estado de SP (20/09/14)
por Herton Escobar e Luiz Fernando Toledo

“Segundo os autores do documento, que preferiram permanecer anônimos, os valores repassados pelo governo do Estado desde o início de 2008 até junho de 2014 ficaram abaixo da cota exigida pela Lei de Diretrizes Orçamentárias, que é de 5% da parte do Estado no ICMS (ou 3,77% do imposto).”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,professores-questionam-repasses-a-usp,1563145

Etiquetado ,

“Professores questionam repasses à universidade”

Publicado em: O Estado de SP (20/09/14)
por Herton Escobar e Luiz Fernando Toledo

“A conta inclui cerca de R$ 530 milhões de diferença entre o que os docentes calculam que a universidade deveria ter recebido da sua parte no Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e o que foi efetivamente repassado nesse período, além de R$ 687 milhões em recursos adicionais que, segundo eles, deveriam ter entrado como contrapartida pela expansão de vagas, mas também não foram repassados.”

Leia em: http://sao-paulo.estadao.com.br/noticias/geral,professores-questionam-repasses-a-universidade-imp-,1563303

Etiquetado ,

“Docentes dizem que Estado deixou de repassar R$ 1,2 bilhão à USP desde 2008”

Publicado em: Portal Estadão, Blog do Herton escobar
por Herton Escobar

“A conta inclui cerca de R$ 530 milhões de diferença entre o que os docentes calculam que a universidade deveria ter recebido da sua parte no ICMS e o que foi efetivamente repassado à instituição pelo governo nesse período, além de R$ 687 milhões em recursos adicionais que, segundo eles, deveriam ter entrado como contrapartida pela expansão de vagas na instituição, mas também não foram repassados.”

Leia em: http://blogs.estadao.com.br/herton-escobar/docentes-dizem-que-estado-deixou-de-repassar-r-12-bilhao-a-usp-desde-2008/

Etiquetado ,

“Servidores aprovam acordo com reitoria e encerram greve na USP”

Publicado em: O Estado de SP (19/09/14)
por Redação

“O grupo aprovou o acordo firmado na Justiça do Trabalho nessa quarta-feira, 17, em audiência de conciliação entre a reitoria e os grevistas. Centenas de representantes da categoria se reuniram em assembleia no prédio da Geografia, no câmpus Butantã, na zona oeste da capital.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,servidores-aprovam-acordo-com-reitoria-e-encerram-greve-na-usp,1562919

Etiquetado , ,

“O fim da greve na USP”

Publicado em: O Estado de SP (19/09/14)
Opinião

“O motivo da greve foi a decisão da reitoria de recusar qualquer aumento salarial no dissídio de 2014. Segundo os dirigentes da instituição, o alto número de contratação de servidores nos últimos anos e a concessão de reajustes salariais acima da inflação levaram a USP a gastar mais de 105% de seu orçamento ordinário apenas com a folha de pagamento. Só em 2013, os gastos com pessoal cresceram 89%. Para cobrir a diferença entre receita e despesa, a USP vinha recorrendo a suas reservas técnicas. Se nada fosse feito para estancar gastos e equilibrar as contas, essas reservas seriam consumidas em um ano, afirmaram seus dirigentes.”

Leia em: http://opiniao.estadao.com.br/noticias/geral,o-fim-da-greve-na-usp-imp-,1562619

Etiquetado ,

“Professores da USP suspendem greve e aulas voltam na segunda”

Publicado em: O Estado de SP (18/09/14)
por Redação

“Após 115 dias, os professores da Universidade de São Paulo (USP) decidiram nesta quinta-feira, 18, aceitar o acordo proposto pela reitoria para encerrar a greve. As aulas começam a voltar na próxima segunda-feira, após uma das paralisações mais longas da história da instituição. Funcionários ainda fazem assembleias nesta sexta-feira, 19, mas já sinalizaram que vão encerrar o movimento.”

Leia em: http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,professores-da-usp-suspendem-greve-e-aulas-voltam-na-2,1562253

Etiquetado , , ,

“Após 114 dias, reitoria e grevistas fecham acordo e USP deve voltar às aulas na segunda”

Publicado em: O Estado de SP – Impresso (18/09/14)
por Victor Vieira

E leia também:
‘É o reitor mais difícil que já conhecemos’
Análise: Situação financeira não está resolvida
Zago reclama que verba de ensino vai ‘para fralda’

Em: Edição impressa

Etiquetado ,